terça-feira, 13 de outubro de 2009

Bem vinda, nova etapa

Festa de aniversário há alguns anos era coisa de criança, poderia ser incrível ou um fiasco, a depender da programação dos meus pais, do tempo, das brincadeiras propostas, dos velhos amigos ou dos novo, dos presentes que eu ganhava. Hoje nem minha festa de aniversário nem minha vida dependem mais de pai e mãe e muito menos do tempo lá fora. Eu já pago minhas contas e minha saliva engrossou justamente porque eu não como mais só o que é molhado e mastigado pelos cuidados de quem cuida. O mundo seco me martela e incendeia o tempo todo, haja liquido próprio pra continuar viva.
Foi assim que hoje cheguei aos 23 anos de vida. Vivendo a vida que pedi a Deus, porque mereci vive-la. Comemorando com os braços muito esticados para o alto. Seguida por caretas, dedos apontados e pelos sons de risos descontrolados, palmas e uivos de todo mundo.
São essas as lembranças de me sentir envelhecendo.
Como uma criança que comemora sozinha. Como uma louca que não aguenta isso tudo que é tão bom e terrível e não disfarça mandando bilhete anônimo e nem se escondendo em grupos de risos e chacotas. Vivo de uma forma limpa, para que o mundo possa me amar tanto quanto amo meu mundo.
Parece ter funcionado, pois nunca me senti tão querida. Eis o segredo de ter amor-próprio.
Certamente vocês já ouviram falar que antes de conquistar o amor de alguém você precisa se amar, né?! Tá ai... Sou prova viva disso.
Modéstia as favas, eu tô feliz pra caramba.
Obrigada a todos por fazerem de mim a pessoa mais feliz do mundo.
Minha alegria está nas coisas mais simples: no bom dia da menina da portaria, na flor que recebo do jardineiro, no carinho dos telespectadores, na paciência de todos os meus amigos, na saúde dos meus familiares, no soninho do meu gato, na chuva do domingo a tardezinha, na pizza de brócolis e tomate seco, nos replies do twitter, no sms de madrugada...
Minha alegria está em ter comprovado que pra ser uma pessoa realizada é preciso se sentir uma pessoa realizada, está em saber que tudo é possivel desde que se tenha fé.
Que Deus me dê forças para seguir assim, confiante.
Esse é meu maior presente.
Bem vinda, nova etapa!

Um comentário:

Anderson Bueno disse...

aeeeee véiaca! parabens e felicidades, q td se realize, no ano que vai nascer.